» Kulungwana » Xiquitsi - Música Clássica em Maputo

No Coraçâo da Polana

No Coraçâo da Polana

Xiquitsi - Música Clássica em Maputo

xiquitsi_logo_vermelho

A Kulungwana organizou desde 2005, oito edições do Festival Internacional de Música de Maputo. A música clássica e o jazz acústico foram os géneros musicais privilegiados.

Entre 2005 - 2012 os festivais que reuniam músicos internacionais e nacionais permitiram um intercâmbio importante e criaram a oportunidade para o público jovem em particular, conhecer de perto um género musical e instrumentos menos divulgados em Moçambique.

O acolhimento do público e estudantes tem sido muito positivo e as solicitações de promover este tipo de evento ao longo do ano, tem vindo a crescer.

Tendo em consideração o crescente interesse e as novas expectativas, a Kulungwana pretende através do projecto XIQUITSI (www.xiquitsi.org.mz) desenvolver de forma complementar e em simultáneo duas actividades principais:

A TEMPORADA DE MÚSICA CLÁSSICA DE MAPUTO que será organizada durante o ano com três períodos de apresentações em três meses diferentes, Maio, Agosto e Outubro, ocupando vários locais na cidade de Maputo e arredores. Desta forma os amantes, amadores e curiosos terão a oportunidade de desfrutar de música clássica com mais frequência durante vários momentos do ano.

E o PROJECTO DE FORMAÇÃO DE ORQUESTRAS E COROS DE MOÇAMBIQUE que visa a integração e inserção social bem como capacitação profissional por intermédio do ensino colectivo de Música, iniciando desta maneira a formação daquela que será a primeira Orquestra Juvenil de Música Clássica em Moçambique.

Esta iniciativa representa uma possibilidade de mudança na vida de jovens e crianças que, através da prática colectiva de música, adquirem ferramentas essenciais para o desenvolvimento pleno das suas capacidades. A formação desta orquestra será baseada em experiências comprovadas como :

-"El sistema” na Venezuela onde o projecto existe há 38 anos e que hoje conta com mais de 350 mil jovens e crianças e cerca de 290 orquestras em todo o país.

-"Neojibá”, no Brasil onde o projecto foi criado há 5 anos, formou mais de 210 jovens e crianças entre 9 e 29 anos, e criou 3 orquestras que contam já com 240 apresentações.

Para garantir uma formação de elevado nível com um acompanhamento contínuo e de qualidade, Maputo vai receber dois professores formados, capacitados e experientes na área do ensino colectivo. Estes músicos e professores vão dar aulas diárias a jovens e crianças entre 7 e 25 anos, que terão e estarão em contacto directo com os músicos convidados na Temporada de Música Clássica de Maputo durante os workshops, ensaios e concertos.

Eldevina (Kika) Materula, oboísta Moçambicana, é Directora Artística do Projecto Xiquitsi.